• 29 de junho de 2022 01:43

61 Brasilia

Portal de Notícias de Brasília

Cappuccino

Sessão Solene em homenagem ao Dia Nacional da Mulher

61brasilia

By61brasilia

abr 27, 2018
Advertisement

Sessão Solene em homenagem ao Dia Nacional da Mulher

As deputadas Celina Leão (Progressista) e Telma Rufino (Pros) participaram de homenagem ao Dia Nacional da Mulher, nesta sexta-feira (27), no plenário da Câmara Legislativa do Distrito Federal

Em nome da Procuradoria Especial da Mulher da Câmara Legislativa do DF, as deputadas Celina Leão e Telma Rufino, homenagearam cerca de 70 mulheres por essa data tão especial e importante que é o Dia Nacional da Mulher, comemorado no próximo dia 30 de abril.

Essa data foi instituída em 1980, através da lei nº 6.791, de 9 de junho do mesmo ano, em homenagem à Jerônima Mesquita, uma enfermeira brasileira que liderou o movimento feminista no Brasil, o Movimento Bandeirante, que tinha como principal objetivo, promover a inserção da mulher em todas as áreas da sociedade. Jerônima esteve envolvida também, na Criação do Conselho Nacional das Mulheres.

Assim como o Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de abril, o Dia Nacional da Mulher, também homenageia e lembra a luta das mulheres na conquista de seus direitos. Ambas as datas impõem a reflexão, principalmente, sobre a igualdade de gênero.

O Dia Nacional da Mulher, não é devidamente difundido no país, mas a data tem como objetivo, conscientizar, diminuir, ou até mesmo erradicar todo o preconceito e a desvalorização que acometem as mulheres.
A data foi criada para reforçar o desenvolvimento e reeducação social sobre os direitos que as mulheres devem ter na sociedade. Isso porque, ao longo dos anos, as mulheres enfrentaram muitas restrições nas diversas sociedades predominantemente machistas e patriarcais.

Embora o mundo atual passe por uma transformação em termos de culturas e ideias, o sexismo influencia negativamente as mulheres, já que as mesmas ainda, sentem as diferenças em relação ao sexo oposto como: salários mais baixos, violência, jornadas excessivas de trabalho, desvantagens que atrapalham a qualidade de vida e o crescimento da carreira profissional.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.