• 25 de maio de 2022 12:59

61 Brasilia

Portal de Notícias de Brasília

Comércio do DF espera aumento de 6,76% nas vendas para o Dia dos Pais

Nubia Paula

ByNubia Paula

ago 3, 2018
Advertisement

Mesmo com restrições no orçamento e limitação de crédito, os 42,2% dos consumidores brasilienses pretendem presentear na data

Por Adriana de Araújo

O Dia dos Pais, comemorado este ano em 12 de agosto, deve aquecer o comércio do Distrito Federal. Segundo pesquisa do Instituto Fecomércio, a expectativa dos lojistas brasilienses é aumentar as vendas em 6,76%, em relação ao mesmo período do ano passado. Mesmo com restrições no orçamento e limitação de crédito, os 42,2% dos consumidores brasilienses pretendem presentear na data.

Comerciantes entrevistados pela 61 Brasília, contudo, avaliam que os consumidores devem deixar para ir ás compras mais próximo a data. “O maior volume de vendas deve acontecer nos dias que antecedem a comemoração”, confirma Eleny Perdigão, administradora de uma loja de presentes personalizados na Asa Norte. Segundo ela, nos últimos anos, os clientes da loja diminuíram o valor gasto, mas não deixam de presentar. Para este ano, ela esperar conseguir repetir o números de vendas do mesmo período do ano passado. O que considera um bom desempenho em razão da crise econômica do País.

“O maior volume de vendas deve acontecer nos dias que antecedem a comemoração”, confirma Eleny Perdigão, administradora de uma loja de presentes personalizados na Asa Norte.

De acordo com a pesquisa da Fecomércio, material esportivo e perfumaria lideram o ranking entre os lojistas, como os segmentos mais otimistas para o período, registrando expectativa de vendas na ordem de 17,23% e 10,31%, respectivamente. A empresária do ramo de calçados esportivos Raquel Brasil conta com isso para melhorar o faturamento: “o comércio estagnou no final de julho. Com a proximidade do Dia dos Pais esperamos vender mais”, comentou.

Os produtos preferidos entre estes consumidores são vestuário, acessórios, calçados e perfumes/cosméticos. A servidora, Ana Carolina Alves, já garantiu o presente do pai. Mas não quer revelar do que se trata, para não estragar a surpresa. Ela lembra, porém, que “o presente mais importante é está com o pai neste dia”.

Já o designer gráfico Hudson Ernandes Silva comprará o presente mais próximo do dia e acredita que será algum produto de vestuário. “Vou procurar uma opção mais em conta para não deixar passar em branco. É um dia especial”, mencionou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.