• 19 de maio de 2022 18:27

61 Brasilia

Portal de Notícias de Brasília

Universidade americana tem interesse de se instalar em Brasília

61brasilia

By61brasilia

dez 4, 2019
Advertisement

Universidade americana tem interesse de se instalar em Brasília

A Broward International University foi a primeira universidade americana a chegar ao Brasil. Depois de se instalar em Belo Horizonte, a instituição quer expandir a operação, e Brasília pode ser a segunda cidade a receber o modelo americano de ensino.

O interesse em Brasília ficou claro na reunião entre o vice-governador Paco Britto recebeu o presidente da Broward University, Gregory Adams Halle. O encontro aconteceu, no Palácio do Buriti, nesta terça-feira.

“É uma oportunidade interessante para os brasilienses. Vejo com bons olhos a proposta”, frisou Paco Britto. Entre outros acertos, visando à possibilidade da chegada da Broward Internacional na capital federal, ficou definido que será realizada, na semana que vem, reunião entre a coordenação da universidade americana e o Governo do Distrito Federal, por meio da Secretaria de Projetos Especiais, com a presença do secretário Everardo Gueiros.

O diretor-executivo da Broward University, David Moore, ratificou o interesse em Brasília. “Vamos abrir mais um campus no Brasil e estamos estudando o mercado para começar o projeto. Brasília reúne as condições necessárias para isso”, pontuou.

Moore explicou que o curso possibilita dois anos de base, que poderão ser usados em qualquer curso superior nos Estados Unidos. Com mais dois anos, o interessado poderá ter o grau de Bacharel. Participaram também do encontro o assessor jurídico, Joel Gomes Filho, e o professor de Filosofia, Pedro Oliveira.

Broward University

A Broward University chegou ao Brasil no ano passado. Em Belo Horizonte, os alunos cursam dois anos no Brasil (totalizando 60 créditos) e para obter o bacharelado, é preciso estudar mais dois anos nos Estados Unidos. Todas aulas são ministradas em inglês, e não há vínculo com o Ministério da Educação, mas os diplomas são validados no país.

*Com informações da Agência Brasília

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.