• 29 de junho de 2022 00:13

61 Brasilia

Portal de Notícias de Brasília

Cappuccino

Comédia nas redes: rir pode ser remédio  

61brasilia

By61brasilia

abr 24, 2020
Advertisement

Comédia nas redes: rir pode ser remédio

Comediantes levam diversão ao público nas redes do Brasília Shopping

 Ficar em casa é a recomendação que pode fazer toda diferença na sua história com a pandemia da Covid-19. Ficar em casa, com a possibilidade de boas risadas, pode deixar os dias de isolamento social divertidos. Então, caia na rede e curta o despojamento e o humor de Lucas Moll em Live Streaming, no Instagram do Brasília Shopping, todas as sextas-feiras, às 18h. Tudo no @bsb_shopping. A ideia do comediante é trazer um convidado a cada “live-espetáculo”. Na sexta-feira, 24 de abril, quem estará com Moll é o também comediante, humorista e roteirista Afonso Padilha. “É um bate-papo ao vivo e on line focado no criar, produzir e apresentar humor em tempo de coronavírus. Vem se divertir com a gente!”, convida o anfitrião Lucas Moll. 

Cara a Cara Virtual

Sócio fundador de uma das mais sólidas e renomadas companhias de comédia do Brasil, a Cia. de Comédia Setebelos, Lucas Moll tem um trabalho solo, focado em cultura pop, tecnologia e nerdices. Stand Uper, roteirista e improvisador especialista na técnica Sport Theater, ele roda o Brasil com espetáculos para o grande público e também para empresas como: Coca-Cola, Banco do Brasil, Caixa Econômica, BRB, Vivo, Claro, Red Bull, MTV, Rede Globo, entre outras. 

Moll recebe o curitibano Afonso Padilha, que trabalha com comédia desde meados de 2010. Como roteirista, Padilha escreveu peças para canais como Porta dos Fundos. Como comediante, participa dos principais shows em casas da cena nacional, além de fazer parte do 4 AMIGOS, um dos maiores grupos de stand up comedy da atualidade. Tem três especiais de comédia no seu canal do YouTube e um no Netflix mundial. Antes da pandemia de Covid-19, Afonso rodava o País com seu quarto show solo, Alma de Pobre. “É um show sobre estigma social. Uso histórias pessoais para ilustrar situações que deixam claro que não importa o dinheiro acumulado. Em alguns casos, a pobreza é inerente ao ser humano”, observa Padilha.

PROGRAME-SE E CONECTE-SE

COMÉDIA NAS REDES DO BRASÍLIA – Lucas Moll recebe Afonso Padilha

Conecte-se em: @bsb_shopping

Sexta-feira, 24 de abril, às 18h

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.