• 4 de julho de 2022 06:00

61 Brasilia

Portal de Notícias de Brasília

Valeria Souza

Fibromialgia acomete 3% da população

61brasilia

By61brasilia

out 20, 2020
Advertisement

Fibromialgia acomete 3% da população 

Mais comum entre as mulheres, doença causa fadiga, distúrbios do sono, dor de cabeçadepressão e ansiedade

 Só quem sofre de Fibromialgia sabe o quanto os sintomas da doença são complexos e doloridos, com um tratamento a longo prazo, que exige do paciente muita persistência e força de vontade.

Entre os sintomas mais comuns, destacam-se dores no corpo, durante longos períodos, com sensibilidade nas articulações, nos músculos, tendões e em outros tecidos moles. Junto com a dor, a fibromialgia também causa fadiga, distúrbios do sono,  dor de cabeçadepressão e ansiedade.

Causas da Fibromialgia

As causas da fibromialgia ainda são desconhecidas, mas existem vários fatores que estão frequentemente associados a esta síndrome. Confira:

  • Genética: fibromialgia é muito recorrente em pessoas da mesma família, o que pode ser um indicador de que existem algumas mutações genéticas capazes de causar a síndrome;
  • Infecções por vírus e doenças autoimunes também podem estar envolvidas nas causas da fibromialgia;
  • Distúrbio do sono, sedentarismo, ansiedade e depressão também podem estar ligados de alguma forma à síndrome;
  • Trauma físico ou emocional: a fibromialgia às vezes pode ser desencadeada por um trauma físico, o estressepsicológico também pode desencadear a condição.

Fatores de risco

Os médicos alertam para alguns fatores de risco que facilitam o surgimento de fibromialgia. Confira:

  • Sexo:a síndrome é mais comum em mulheres do que em homens, em especial naquelas entre 20 e 50 anos;
  • Histórico familiar:a doença é recorrente entre membros de uma mesma família, indicando que talvez exista algum fator genético envolvido nas suas causas;
  • Outros transtornos:se você tem artrite reumatóide ou lúpus é mais provável que você acabe desenvolvendo fibromialgia.

Principais pontos de dor da Fibromialgia

As dores de origem emocional atingem principalmente o sistema musculoesquelético do paciente que apresenta fibromialgia e são representadas pelos seguintes pontos dolorosos no corpo:

  • Região da coluna cervical
  • Coluna torácica
  • Cotovelos
  • Nádegas
  • Bacia
  • Joelhos

Uma novidade que acaba de chegar ao Distrito Federal promete minimizar as dores de até 90% dos pacientes que sofrem da síndrome. A Hidrofisio é a primeira clínica de Fisioterapia do DF – e umas das primeiras no Brasil – a adquirir o equipamento criado por pesquisadores da USP, de São Carlos, que oferece um novo método de tratamento para pacientes acometidos da patologia – a terapia foto sônica.

“Esse método não provoca efeito colateral e conseguiu controlar a dor em noventa por cento dos pacientes. Tanto a terapêutica quanto o equipamento são inéditos no mundo. Ele combate a fibromialgia e é fruto do trabalho de oito anos de pesquisadores do Grupo de Óptica do Instituto de Física de São Carlos (IFSC), da USP”, explica Karina Reis, diretora da clínica Hidrofisio.

O público do tratamento são pacientes que sofrem de fibromialgia, ou seja de 2% a 3% da população, sendo que a doença costuma ser mais comum entre as mulheres.

A novidade estará disponível a partir desta semana na unidade da Hidrofisio, no Sudoeste. E no dia 3 de novembro chega à unidade de Taguatinga Sul.

 

SERVIÇO:
Hidrofisio Sudoeste
End.: CLSW 303 Bloco B loja 8
(61) 4042-8080
Hidrofisio Taguatinga Norte
End.: QNA 02 Lote 17
(61) 3563-4653
Hidrofisio Taguatinga Sul
End.: QSE AE 16 lote 05
(61) 3967-4859
Hidrofisio Ceilândia Sul
End.: QNM 03 conj. O lote 27
(61) 3965-4653

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.