Our website is made possible by displaying online advertisements to our visitors. Please consider supporting us by whitelisting our website.
  • 28 de setembro de 2022 13:19

61 Brasilia

Portal de Notícias de Brasília

Cappuccino

Lago Norte receberá primeiro campus da Universidade do DF

61brasilia

By61brasilia

fev 3, 2022
Advertisement
Obras de melhoria no prédio já estão em andamento. A previsão é que no segundo semestre de 2022 tudo esteja pronto para início dos trabalhos

O administrador regional do Lago Norte, Marcelo Ferreira, recebeu nessa quarta-feira (2), a reitora pro tempore da Universidade do Distrito Federal Professor Jorge Amaury Maia Nunes (UnDF), Simone Benck, no prédio cedido pela Terracap para instalação do primeiro campus da instituição, localizado no CA 2 do Lago Norte.

Campus trará possibilidade de oferta de educação superior pública aos moradores ao redor do Lago Norte, como Paranoá, Itapoã, Granja do Torto, Varjão, e para áreas rurais localizadas na ponta norte do DF

As obras de reforma do prédio já estão em andamento. A Novacap, em parceria com a administração, fará a limpeza das áreas externas, recuperação das calçadas e pátios, além do serviço de jardinagem. A Secretaria de Educação do DF está custeando a obra para melhoria do prédio. A estimativa é que seja entregue no final de fevereiro e que no segundo semestre de 2022 tudo esteja pronto para o início dos trabalhos.

Esse campus trará a possibilidade de oferta de educação superior pública aos moradores ao redor do Lago Norte, como Paranoá, Itapoã, Granja do Torto, Varjão, e para áreas rurais localizadas na ponta norte do DF.

A sanção da lei que criou a UnDF foi assinada em julho de 2021 pelo governador Ibaneis Rocha | Fotos: Ascom/AR Lago Norte

“Recebi com muita alegria a notícia que o primeiro campus da UnDF seria aqui no Lago Norte. Toda a região norte do Distrito Federal será beneficiada com essa estrutura”, afirma o administrador Marcelo Ferreira.

Simone Benck destaca que a UnDF atuará de forma multicampi e multiespacial, aproveitando espaços físicos subutilizados pela administração pública, com infraestruturas já instituídas – e ociosas – do Estado. Com isso, a oferta de educação superior gratuita privilegiará as localidades do DF que ainda não possuem universidades.

R$ 200 milhões serão investidos pelos próximos quatro anos na implantação da UnDF

Cursos oferecidos

A Lei Complementar nº 987/2021 define em seu Artigo 7° que a UnDF poderá atuar em todos os campos do conhecimento, cujas áreas de excelência interessem aos seus programas e projetos, enfatizando Ciências humanas, Cidadania e meio ambiente; Gestão governamental de políticas públicas e de serviços; Educação e magistério; Letras, artes e línguas estrangeiras modernas; Ciências da natureza e matemática; Educação física e esportes; Segurança pública e defesa social; engenharias e áreas tecnológicas de setores produtivos; Arquitetura e urbanismo e Ciências da saúde.

A sanção da lei que criou a UnDF foi assinada em julho de 2021 pelo governador Ibaneis Rocha. Fruto de um sonho de décadas, o projeto pioneiro, de autoria do Executivo local, autoriza a construção do primeiro centro universitário distrital, ampliando a oferta gratuita de vagas no ensino superior.

UnDF reúne nomes da educação mundial para discutir estrutura acadêmica

Na ocasião, o chefe do Executivo anunciou investimento de R$ 200 milhões pelos próximos quatro anos, a realização de concurso público para 3,5 mil profissionais, a cessão de um imóvel no Lago Norte para funcionamento inicial da universidade e o projeto para construção de um prédio na área do Parque Tecnológico (Biotic), que também será destinado às instalações acadêmicas.

O nome da UnDF é uma justa homenagem ao professor Jorge Amaury, que esteve na luta pela implantação da UnDF até 2021 e faleceu vítima de covid-19.

*Com informações da Administração Regional do Lago Norte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.