21.5 C
Brasília
quarta-feira, maio 22, 2024

Dia da Mulher: sommelière Ana Clara Carvalho dá dicas de vinhos para presentear de acordo com cada personalidade

Date:

Share post:

Dia da Mulher: sommelière Ana Clara Carvalho dá dicas de vinhos para presentear de acordo com cada personalidade

Vinhos são bebidas fortes, complexas, delicadas e únicas – assim como as mulheres. É impossível encaixa-las em rótulos pré-definidos, o ideal é apreciar sua força. O Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, é uma das boas ocasiões para presentear com significado. E bebidas como o néctar de baco são ideais para a ocasião.

A também mulher e formada pela Associação Brasileira de Sommeliers (ABS – São Paulo) Ana Clara Carvalho, sommelière do restaurante ‘A Mano, em Brasília, pode dar dicas de como presentar escolhendo os vinhos a partir da característica mais proeminente da pessoa. Essa é uma forma de ressaltar a admiração pela mulher presenteada.

Para facilitar o entendimento, Ana pode dividir alguns temperamentos em delicada, forte, temperamental e até ácida. O que acha de falar sobre o assunto? Ela está disponível para entrevistas!

“Você pode associar o vinho às características organolépticas, que são as características perceptíveis aos nossos cinco sentidos. Isso porque você consegue saber se um vinho é forte se ele é mais turvo, se no paladar ele tem mais tanino, mais rispidez… para um vinho delicado, a mesma coisa. Por exemplo, se é um Pinot Noir, é a uva mais delicada que existe. É uma uva temperamental, que precisa das condições ideais para ser cultivada. Isso só falando de uvas, sem nem entrar nos rótulos de vinhos. Agora a Cabernet Sauvignon, que é mais forte, já é mais concentrada em sabor, em aroma, e a gente pode fazer uma analogia com pessoas mais firmes. Ou um Tannat que já é rústico, parrudo, ou uma Sauvignon Blanc que é uma uva ácida…”, exemplifica a sommelière Ana Clara Carvalho.

Sobre a sommelière

A adega do ‘A Mano é de responsabilidade da sommelière. Ana Clara faz parte do quadro fixo de funcionários do restaurante, e está sempre servindo às mesas e disponível para fazer sugestões de harmonização. Além disso, a profissional montou a carta de vinhos, que conta com cerca de 150 rótulos, distribuídos por países diversos, incluindo exóticos como o Líbano (em tradição enófila) e clássicos como a Itália.

Ana Clara é formada pela Associação Brasileira de Sommeliers, de São Paulo. Trabalhou na Terroir Importadora, no Bar des Arts (restaurante de Giancarlo Bolla) e no Grupo Fasano, onde permaneceu por 11 anos, como maitresse e sommelière. Além disso, Ana ajudava a criar os textos de um programa sobre vinhos na Rede TV. Em Brasília, depois do Gero, atuou no Parrilla Madrid e MM Representações.

“Fiz viagens para conhecer alguns vinhedos pelo mundo e seus processos de vinificação, cursos com o sommelier Gianni Tartari e grudei no Manoel Beato que, com sua generosidade e paciência, foi um grande professor e amigo. Passávamos as tardes do início da semana degustando vinhos, o que me ajudou a formar uma memória olfativa mais rica”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

publicidade

Related articles

Anna Tréa faz turnê pelo Brasil, depois de temporada na Europa

Foi durante uma viagem para acompanhar a turnê de Arringo Barnabé, que Anna Tréa se apaixonou por Barcelona. Anos depois,...

Conheça três hábitos de limpeza que parecem eficientes, mas não são

Muita espuma não é sinal de limpeza e sabão em pó é prejudicial para pisos Existem muitos mitos sobre...

Capital receberá o primeiro Festival da Cachaça de Brasília

O evento será realizado de 22 a 26 de maio, no completo do Mané Mercado. Além da degustação...

Impactos positivos de shows e festivais para bares e restaurantes

Integração com público colabora com o aumento do faturamento, além de atrair visibilidade para as redes O mercado de...