17.5 C
Brasília
sábado, maio 18, 2024

Programação oficial do carnaval no DF lista 201 blocos de rua; segurança será reforçada

Date:

Share post:

O  pré-carnaval de 2019 começou logo no final de janeiro, mas a programação oficial dos blocos cadastrados junto ao governo do Distrito Federal começou, mesmo, no último sábado (16).

Segundo o GDF, 201 blocos estão autorizados a sair pelas ruas da capital até dia 10 de março. Todos eles passaram por um processo de regularização de documentos junto à Secretaria de Segurança, que montou o esquema de proteção ao folião .

A lista dos blocos – com informações de data, hora e local – foi divulgada somente nesta quinta (21) pela Secretaria de Cultura. Veja a programação completa de carnaval.

PROGRAMAÇÃO

Cafuçu do Cerrado

24.02 – 15H ÀS 20H

SETOR BANCÁRIO NORTE, QUADRA 1

Jovem bloco pré-carnavalesco, que desfila no domingo que antecede a folia, caminha para sua sétima edição em 2019. As raízes do Cafuçu do Cerrado estão firmes nas culturas carnavalescas da Paraíba e de Pernambuco (terras natais dos produtores do bloco), que têm como atrações principais as troças: orquestras de frevo, marchinhas de carnaval e tantas outras levadas típicas, e, claro, o que há de mais gostoso no universo da sofrência: o brega. O charme do bloco está na irreverência dos seus foliões, os Cafuçus e Cafucetas (ou Rariú, variação pernambucana). Cafuçu é um neologismo brasileiro, usado para designar uma pessoa brega, um ‘sem classe’. Normalmente, Cafuçu também é utilizada para definir mal gosto ou muitas vezes esteticamente incoerente. Portanto, os Cafuçus e Cafucetas vestem-se de brega, esbanjam cordões de ouro, camisa florida e calça de oncinha, peças do guarda-roupas que, para eles, são o que há de mais chique e moderno.

Bloco Falta Pouco

24.02 – 13H ÀS 20H

CLN 409 – BLOCO A/B

Marchinhas, sambas, maxixes, frevos, maracatus, e tudo mais e além. Aqui não tem tristeza, se é música boa, se tem requebrado e malemolência a gente toca.

Ano de Fundação: 2011

Pré Carnaval Bloco Subterrâneas Degeneradas

24.02 – 15H ÀS 20H

Pré Carnaval Bloco Subterrâneas Degeneradas.

Amai-vos uns aos loucos

27.02 – 14H ÀS 17H

QNA 39 AE 19

Bloco promove carnaval para pacientes com transtornos mentais do CAPES

Ano de Fundação: 2018

Bora pra Cuba

28.02 – 18H ÀS 00H

SAN QUADRA 04 ATRÁS DA 201 NORTE

Vamos blocar com o melhor da música cubana! Fantasias, brincadeiras e muita dança pra carnavalizar nossas raízes latinas e nossa irmandade com Cuba!  O bloco Bora pra Cuba nasce da fluidez e convergência da comunidade latina do DF, em união com artistas, boêmios e carnavalescas.

Vem brincar o carnaval, Bora pra Cuba!

Ano de Fundação: 2017

SAN Quadra 04 Atrás da 201 Norte

 

Carnaviola 3ª Edição – Bloco Pagode em Brasília

01.03 – 19H ÀS 22H

CASA DO CANTADOR

A ideia de realização do “CARNAVIOLA” surgiu com o intuito de valorizar e divulgar ainda mais a arte da viola e da música caipira no Distrito Federal. Evento este, que proporcionará às pessoas, um encontro com sua própria história, relembrando os famosos arrasta pés na roça, uma vez que este gênero musical nada mais é do que o registro histórico do povo brasileiro. Os amantes da música e viola caipira que não são adeptos aos grandes eventos carnavalescos, terão onde começar o seu feriado prolongado em um evento cultural.

O nome ao bloco – “Pagode em Brasília” – faz referência a um dos grandes clássicos da musica caipira, famoso nas vozes da dupla Tião Carreiro e Pardinho. O nome foi escolhido devido ao grande sucesso que a música foi e é até hoje entre a nova geração de violeiros, e propositalmente para chamar a atenção da mídia de como seria o Pagode no carnaval. Pagode, na música caipira, é um ritmo executado na viola caipira, criado pelos violeiros acima citados, que também é um ritmo dançante por ser alegre.

O evento tem como ideia principal a confraternização do público, e usando a tradição dos blocos carnavalescos tradicionais, todos os participantes estarão fantasiados de traje junino ou caipira.

Além das duplas tradicionais de viola caipira para a abertura do evento, pretende – se, na maior parte do evento, fazer bailão de arrasta pé, com viola caipira e o som da sanfona.

Foi escolhida a Casa do Cantador, em Ceilândia, por possuir o espaço ideal para realização deste evento, devido ao grande histórico por mais de 30 anos com a viola nordestina e também com a viola caipira.

Ano de Fundação: 2017

Bloco Novos Candangos – Carnaval Palco Central

01.03 – 16H ÀS 00H

SCS – QUADRA 05 – PRAÇA CENTRAL – PLATAFORMA

Bloco dedicado a apresentar o repertório do grupo Novos Baianos.

Brasília nasceu do talento e do empenho de milhões de brasileiros que vieram dos 4 cantos do país deixando suas casas, famílias e vidas para construir esta cidade. Hoje, mais de 60 anos depois, é patrimônio urbanístico, arquitetônico e cultural da humanidade, com expoentes na musica, cinema e artes. Ainda assim, escutamos que não tem “nada” para fazer nessa cidade, que faltam ícones culturais para representar a nós, os candangos.

Para bater de frente com isso, estamos vivendo um momento de ocupação de todo esse espaço público abundante e trazendo, com isso, uma melhor relação da população com a nossa cidade. Com o carnaval não deve ser diferente, né?! Carnaval é cultura!! Ocupação é cultura!!

Chame seus amigos e venha se divertir, curtindo o esquenta, o carnaval e a ressaca nesta folia totalmente sem preconceitos e planejada com o maior objetivo de fazer você se divertir. Aqui cabe amor, cabe cultura, cabe respeito e diversão. Cabe você, de onde estiver vindo e com o que estiver procurando, vem que aqui cabe

Ano de Fundação: 2018

Bloco dos Prazeres

01.03 – 18H À 0H

SAN QUADRA 04 ATRÁS DA 201 NORTE

O Bloco do Prazer segue a tradição de convidar as bandas que estão fervendo e reverberando no cenário musical brasiliense, esse ano temos o prazer de trazer a banda Sopapo com toda sua musicalidade dançante afrobrasileira, que é inspirados na riqueza sonora advinda da África, a banda é formada por Nãnan Matos, Esdras Nogueira, Luiz Ungarelli, Vavá Afiouni, Marcus Moraes e Thiago Cunha.

Vem meu amor feito louca, que a vida tá pouca, e eu quero muito mais!

Carnaval Beco da Cal – Na Batida do Morro

01.03 – 17H ÀS 00H

SCS – BECO DA QUADRA 04

Bloco Samambaia

01.03 – 15H ÀS 22H

EIXÃO DA ALEGRIA – CENTRO OLÍMPICO

Bloco Infantil Meu Balão Voou

02.03 – 12H – 19H

GRAMADO DA TORRE DE TV

Rejunta Meu Bulcão

02.03 – 15H ÀS 22H

SETOR BANCÁRIO NORTE – SBN

Rejunta, rejunta, rejunta meu Bulcão!

Vamos soltar o grito e vestir as cores de Athos no Carnaval para celebrar a vida, a alegria, nossa cidade e o centenário de Bulcão! As fantasias mais “bulcônicas” ganharão mimos carnavalescos!

Por que celebrar Athos Bulcão no carnaval? Bulcão é parte da identidade visual de Brasília. Não há como viajar nas asas do avião sem voar nas asas da pomba da igrejinha. Athos e Brasília viraram uma coisa só. “Athos Bulcão é patrimônio afetivo de Brasília e em seu centenário nosso bloco realizará um sonho do artista, ocupar as ruas e colorir seu povo com sua arte no carnaval”, diz Marina Mara, coordenadora do bloco Rejunta meu Bulcão. 

Ano de Fundação: 2016

 

Carnaval do Asé Dudu

02.03 – 17H – 23H

TAGUAPARQUE

O Grupo Cultural Asé Dudu, faz parte da vida cultural e social de nossa cidade. Fundado em 06 de Setembro de 1987 o Grupo nasceu do desejo de se ter em Brasília um “Bloco” que atendesse os anseios da comunidade afro-descendente da Capital Federal.

Temos como objetivo difundir a cultura afro-brasileira e incentivar o intercâmbio e desenvolvimento das relações culturais entre os povos e transformarmos Taguatinga em um importante pólo de discussão a respeito da cultura negra não só ha nível do DF mais também a nível nacional.

Nossa área de ação é a luta contra o racismo e contra qualquer forma de abuso que atente contra os direitos humanos, não apenas de afro descendentes, mas de todos aqueles que são vítimas de tais práticas. Após ano tido como um bloco meramente carnavalesco o Àsé Dúdú passou a ser conhecido no âmbito cultural de nossa cidade através de vários Projetos que realizamos durante todo o ano com a comunidade brasiliense.

Gama – SCE Quadra 40 Comércio Local

Carnabagagem

02.03 – 16H ÀS 19H

GAMA – SCE QUADRA 40 COMÉRCIO LOCAL

Matinê do Carnaval Infantil da Cia. de Bonecos do Gama. Uma festa embalada ao som de marchinhas carnavalescas, animada pelos brincantes do popular grupo de teatro de bonecos gamense.

Ano de Fundação: 2012

Vem Kem Ker

02.03 – 15H ÀS 22H

AV COMERCIAL, ESTRUTURAL

Tradicional bloco carnavalesco da cidade Estrutural.

BRASÍLIA – CAPITAL DE TODOS OS CARNAVAIS.

Carnapati 2019 – Infantil

02.03 – 8H ÀS 13H

PARQUE DA CIDADE, ESTACIONAMENTO 4

Idealizado pelo Teatro Mapati, o Carnapati – Bloco de Carnaval de Rua para Crianças surgiu em 2009 vindo da expertise do grupo em realizar bailinhos de carnaval desde 1996, na sede do grupo.

Teatralizando o carnaval, um formato lúdico para ir às ruas de Brasília com expectativa de realizar um carnaval para crianças com brincantes, promovendo a cultura popular brasileira de forma democrática e com acesso gratuito. Para tanto, o Carnapati passa a fazer parte da mudança do formato do Carnaval de Rua em nossa cidade, que desde 2013 tem tido aumento vertiginoso no tocante à adesão do público brasiliense.

Ano de Fundação: 1996

Concentra Mas Não Sai

02.03 – 16H À 22H

CLN 404/405 NORTE

Vai passar o Carnaval em Brasília? Não tem muito pique pra ficar correndo atrás de trio elétrico? Então seu lugar é o CONCENTRA MAS NÃO SAI!!! Não perca o bloco de quadra mais irreverente da cidade!

O Concentra Mas Não Sai Brasília desfila desde 2001, na 404 norte, reduto da boemia e da malandragem asanortista. Idealizado pelos moradores da própria quadra e de quadras vizinhas, muitos deles envolvidos diretamente com a música e a noite brasiliense.

Desde a sua fundação, vários artistas já passaram pelos palcos do Concentra, principalmente quando o bloco começou a realizar e apoiar eventos culturais e sociais na comunidade, como feiras, festas juninas, rodas de samba, entre outros.

No carnaval de 2016, o bloco teve seu ponto alto quando contou com as participações de Dhi Ribeiro, Patubatê, Tyayro, entre outros.

Ano de Fundação: 2001

 

Patubatê a Mamata Difícil – Carnaval Palco Central

02.03 – 06H ÀS 00H

SCS – PRAÇA CENTRAL; PRAÇA DO METRÔ; PRAÇA DOS ARTISTAS

Patubatê a Mamata Difícil – Carnaval Palco Central.

BRASÍLIA – CAPITAL DE TODOS OS CARNAVAIS.

Ano de Fundação: 2018

Galinho de Brasília

02.03 – 13H ÀS 20H

SETOR BANCÁRIO SUL

Bloco Carnavalesco de Frevo criado em Brasília, no ano de 1992, por um grupo de pernambucanos frequentadores dos carnavais de Olinda e Recife, liderados por Romildo Carvalho. Em 2015 o Galinho arrastou mais de 100 mil foliões pelas ruas da cidade.

Ano de Fundação: 1992

Arrota mas não Gorfa

Praça da Igrejinha – Vila Planalto

02.03 – 12h à 19h

 

Bloco Do Quadrado / Bloco do Nanan

02.03 – 12H À 00H

SAN QUADRA 04 ATRÁS DA 201 NORTE

Já ouviu a música Do Quadrado? Já reparou que o Distrito Federal (o Quadrado!) tem hoje uma vasta produção de música autoral? Já se deu conta de que essa produção, além de ter uma alta qualidade, tem uma assinatura específica, uma identidade, um sotaque? Do Quadrado é um coletivo autônomo de artistas do Planalto Central que quer falar disso, mostrar isso ao povo daqui.

 

Carnaval do Beco da Cal – Confronto Sound System

02.03 – 17H À 00H

Rebu – O Bloco

02.03 – 15H À 22H

ESTACIONAMENTO 04 DO PARQUE DA CIDADE

Começou a contagem regressiva para o carnaval nosso de cada ano. E a mulherada LBT (Lésbicas, Bissexuais e Trans) jamais poderia ficar de fora dessa festa!

Em tempos de retrocessos, o que tá na moda mesmo é se juntar pra fazer barulho, pq afinal de contas, quem tem coragem de calar essa trupe?!

Pra quem teve o gostinho e o prazer de se deliciar com a Rebu – A Festa, senta que lá vem bapho!
Nossa Coletiva tem a honra de anunciar o bloco mais sapatônico da história dessa ilha que se chama Brasília: Rebu – O Bloco ?

Já avisamos logo que vai ter muita música babadeira, vai ter espaço para rango, bebidinhas, joguinhos, brisa e muito rebu certo. Vai ter todas as manas de mãos dadas, menina, o rebuceteio generalizado, daquele jeito que a gente sabe bem!

Então avisa todas e chama na Rebu – O Bloco que nesse carnaval todas vamos colar, hahaha, não disse o quê ?

Atrações rebuceteiras??:
Dj Amandix
Dj Dani Ferreira
Dj Loly
Dj Hanna Amim
Dj D-Day
Djs Telma & Selma
Rainhas do Babado

Local: Estacionamento 04 do Parque da Cidade
Horário: 14h (concentração)
Término: 22h

P.s.: no nosso bloco, as mulheres são as protagonistas, se vc respeita a nossa causa, vc é super bem vindx! Não trabalhamos com nenhum tipo de preconceito. ?
Respeita as mina!

P.s.2: Ninguém aqui ainda se pegou, mas vai que… ?

Estacionamento do Bezerrão/Cine Itapoã

Carnaval Pra Popular – Bloco do Periquito

02.03 – 15H – 22H

ESTACIONAMENTO DO BEZERRÃO/CINE ITAPOÃ

Bloco Babydoll de Nylon

02.03 – 13H ÀS 20H

ESTACIONAMENTO DO ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRINCHA

O menor, mais ridículo e menos promissor bloco de carnaval do Brasil.

Carnaval Social do Sol Nascente

02.03 – 17H ÀS 22H

TRECHO I, PRÓXIMO À UPA EM FRENTE A FEIRA DO PRODUTOR

O novo modelo de carnaval proposto pela Secretaria de Cultura também prevê a realização do Carnaval Social, que levará oficinas, cultura e serviços a comunidades do Distrito Federal.

Durante quatro dias de eventos, serão oferecidos aos jovens do Varjão, Estrutural e Sol Nascente cursos de capacitação em audiovisual, discotecagem, fotografia e elaboração de projetos culturais que serão desenvolvidos em parceria com a Central Única das Favelas (Cufa). O Carnaval Social será realizado em estruturas móveis equipadas com salas de aula, estúdio e palco para apresentação de artistas locais.

Bloco Samambaia

02.03 – 15H ÀS 22H

EIXÃO DA ALEGRIA – CENTRO OLÍMPICO

Bloco A Vida é um Doce

02.03 – 13H ÀS 20H

ÁREA PÚBLICA EM FRENTE A ADMINISTRAÇÃO – QUADRA 101

 

Carnaval Social no Lago Norte

02.03 – 9H ÀS 17H

PRAINHA DO LAGO

O novo modelo de carnaval proposto pela Secretaria de Cultura também prevê a realização do Carnaval Social, que levará oficinas, cultura e serviços a comunidades do Distrito Federal.

Durante quatro dias de eventos, serão oferecidos aos jovens do Varjão, Estrutural e Sol Nascente cursos de capacitação em audiovisual, discotecagem, fotografia e elaboração de projetos culturais que serão desenvolvidos em parceria com a Central Única das Favelas (Cufa). O Carnaval Social será realizado em estruturas móveis equipadas com salas de aula, estúdio e palco para apresentação de artistas locais.

Bloco Toca do Samba

02.03 – 15H À 22H

AV. CASTANHEIRA – ESTACIONAMENTO EM FRENTE AO VITRINNI SHOPPING

Desfile de Escola de Samba

02.03 – 15H ÀS 22H

RUA 31 SUL – PARALELA À AVENIDA BOULEVARD SUL – TRANSVERSAL A RUA DAS ARAUCÁRIAS

Baratona

03.03 – 15H – 22H

EIXO MONUMENTAL – TRAJETO AO LADO DA TORRE DE TV

Criado pelo pernambucano Luiz Lima, o Bloco Baratona traz para o público de Brasília alegria, descontração e entretenimento nos festejos carnavalescos desde 1978.

Muito frequentado por foliões jovens e adolescentes, o bloco Baratona também atrai famílias que gostam de curtir o Carnaval, atrás do trio elétrico dançando os sucessos do axé.

Ano de Fundação: 1972

Baratinha

03.03 – 15H ÀS 20:30H

PARQUE DA CIDADE – ESTACIONAMENTO 12

A Baratinha é um evento carnavalesco voltado totalmente ao público infantil. Todos os anos, de forma descontraída, com brincadeiras e muita música, o bloco Baratinha aproveita a folia para levantar a bandeira da campanha “Criança Longe das Drogas”.

No espaço onde acontecem as apresentações, adultos não podem consumir qualquer tipo de droga, bebidas ou cigarros. Além disso, o percurso por onde o bloco passa é decorado com faixas, banners e cartazes conscientizando crianças e jovens a dizerem não às drogas.

Ano de Fundação: 1990

Pacotão

03.03 – 13H – 20H

CLN 302 ATÉ W3 SUL QUADRAS 504/505

O Pacotão é essencialmente um bloco de sujos. E blocos de sujos são manifestações populares típicas do carnaval de rua no Brasil. Em Brasília, cidade onde a população é formada por pessoas que vieram de todos os estados do país, essa manifestação não poderia ficar ausente. No Pacotão, como em todo bloco de sujos o improviso e a desorganização são a tônica. No domingo e na terça-feira de carnaval um grupo de foliões com fantasias improvisadas se reúnem e ao som de instrumentos característicos das fanfarras, metais e percussão e desfilam pelas amplas ruas da cidade, cantando e sambando marchinhas carnavalescas. Alguns blocos de sujo como o Pacotão satirizam a política nacional com suas marchinhas, faixas e cartazes e fantasias, sempre em tom de ironia e deboche, com a marca do humor brasileiro.

Data de fundação

O Pacotão ganhou ruas, no carnaval de 1978, saindo do Chorão, na 302 Norte, em direção a destino inserto e não sabido na Asa Sul, atravessando a W-3 pela contra mão. No início, foi um bloco tímido. Pouco mais de 100 pessoas, em sua grande maioria jornalistas, desengonçados e embriagados, carregavam o estandarte – símbolo e algumas faixas com frases desconexas , embalados pelos ritmistas da ARUC, para espanto dos incrédulos brasilienses que jamais tinham visto coisa igual. A música composta por Cláudio Lysias, Guarabira e Carlão para esse primeiro desfile, “Saudade da
Beleza”, quase uma marcha rancho, nostálgica e romântica, com saudade dos antigos carnavais.

Estrutura do bloco

Um grupo de mais ou menos quinze pessoas que se reúnem no período que antecedem o carnaval para colocar o bloco na rua. Os esforços de cada um são delimitados pela sua disponibilidade de tempo e de vontade e são na sua grande maioria jornalistas. 35 músicos e cantores se apresentam no dia dos desfiles, além de dezenas de pessoas que nos dias de desfiles do Pacotão, domingo e terça-feira de carnaval se incorporam na organização e condução do desfiles.

Ano de Fundação: 1978

Agoniza mas não morre

03.03 – 15H – 23H

EQS 312/313

Não cabe no peito a alegria de ter vocês curtindo e se divertindo no Agoniza.
E este ano estamos preparando uma festa incrível. Nosso desfile acontece na entrequadra 312/313 sul e promete muito samba, batuque, marchinhas, axé, gente bonita, sorrisos e diversão.

Traga sua energia para o bloco! O evento é gratuito e aberto a todas as idades!

Ano de Fundação: 2013

Raparigueiros

03.03 – 17H – 00H

N1/S1

Criado em 1992, o Bloco Raparigueiros começou com uma ideia de amigos que queriam se reunir para curtir o carnaval ao som do axé. Com o passar dos anos, o bloco foi ganhando mais adeptos e conquistando a simpatia dos jovens do DF, com uma folia marcada por brincadeiras, irreverência e muito axé. Hoje o bloco já reúne mais de 100 mil pessoas.

Mamãe me Carrega

03.03 – 9H ÀS 13H

PARQUE DA 104/105 SUL

Bloco carnavalesco infantil

Ano de Fundação: 2017

Bloco das 11

03.03 – 15H ÀS 22H

AVENIDA COMERCIAL – ESTRUTURAL

Montadas: O Bloco da Diversidade

03.03 – 15H ÀS 22H

SETOR BANCÁRIO NORTE – ESTACIONAMENTO

Montar é construir, unir partes, ora iguais, ora diferentes e é isso que propõe o Distrito Drag, coletivo que organiza o bloco. Não importa sua cor, sexo, aparência, religião, será bem vindo a construir conosco o bloco que reúne todas as diversidades de Brasília. O que é o bloco das Montadas?
Espaço para você abusar das cores, plumas, perucas, cílios e muita maquiagem… Abuse, abuse muito da criatividade!
Espaço para você sonhar e ser quem você quiser: super-herói, artistas, personagens de filmes e celebridades.
Espaço para criticar tudo que nos incomoda, sempre com respeito e muito humor.
Espaço para conviver com o diferente, e aprender a respeitar.
Espaço para ser Drag pela primeira vez, ou mostrar que você já arrasa na montação
Espaço para desconstruirmos gêneros, e reafirmarmos que o amor é mais importante.
Nesse bloco e na vida não tem lugar para o machismo, homofobia,gl gordofobia, racismo e transfobia. Nao tem lugar pra opressões. Aqui é um espaço de amor, alegria, purpurinas…
Na nossa república da montação é pra ser livre sem pedir licença, é pra “viver e não ter a vergonha de ser feliz”
Venha ser Drag por um dia e desfrute da presença de outras divas Queens de Brasília.
Nascemos nús todo o resto é montação!
RuPaul

Ano de Fundação: 2018

 

Sem Eira Nem Beira

03.03 – 16H ÀS 22H

PLANALTINA – AV. GOIÁS, PRAÇA SALVIANO MONTEIRO GUIMARÃES

Com muita alegria e irreverência o grupo musical segue firme no propósito de valorizar a juventude, a arte e a cidade de Planaltina-DF.

Ano de Fundação: 2007

Beija Me Beija

03.03 – 17H ÀS 0H

CLN 216 BLOCO D

SCLN 216 Bl. D – Gramado

Menino de Ceilândia

03.03 – 15H À 22H

CNM 01 – CEILÂNDIA CENTRO

O bloco Menino de Ceilândia foi fundado em 1995 com o intuito de suprir a falta de entretenimento e atividades culturais da cidade. A intenção era criar um bloco de carnaval gratuito e acessível à comunidade. Para o primeiro desfile na rua, foi confeccionado um boneco gigante que foi batizado de Menino de Ceilândia e foram chamados músicos para animar o percurso do bloco. A ideia do nome (Menino de Ceilândia) foi uma homenagem ao fato de que na época muitos adolescentes estavam se tornando pais e essas crianças que estavam nascendo não tinham acesso à cultura, lazer e entretenimento.

Groove do Bem

03.03 – 17H À 23:59H

TAGUAPARQUE

Reunião de percussionistas de Brasília com referências nos ritmos e manifestações regionais herdados das músicas e da força dos tambores.

” Onde tem uma batida de tambor, tem alegria, cor, magia, amor, som, dança, ancestralidade e sabedoria”.

 

Rata 400

03.03 – 16H – 22H

PRAÇA DA QUADRA DA CLN 406

Bloco da Alice

03.03 – 13H – 20H

SCLN 409 – GRAMADO PRÓXIMO AO STADBEAR

 

Eletrobaile da Resistência

03.03 – 17H – 00H

SCS – BECO DA QUADRA 04

Bloco Subterrâneas Degeneradas

03.03 – 17H – 00H

PASSARELA DA 201 NORTE ATÉ SETOR COMERCIAL SUL

Bloco Marola / Segura o Grave Alê

03.03 – 15H – 22H

SCS – QUADRA 05 – PRAÇA CENTRAL

Eixão 44, Rainas do Babado, Vai que Cola

03.03 – 12H – 00H

SAN QUADRA 04, ATRÁS DA 201 NORTE

Ovelha Kids

Taguapaque

03.03 – 15h – 16h

 

Bloco Tropikoos + Charretinha

03.03 – 12H À 18H

PRAÇA RABELO E PRAÇA DA IGREJINHA

CarnaJAZZ

03.03 – 15H ÀS 22H

BURACO DO JAZZ – ESTACIONAMENTO 05 DO PARQUE DA CIDADE

Esse ano teremos o 1º CarnaJazz de Brasilia, estamos na agenda oficial de Carnaval de BSB.
Com muita dedicação e boas ideias pretendemos fazer um carnaval diferente, a musica: Jazz. As bandas: de Jazz. A vibe de Jazz, cerveja, drinks, roupa, JAZZ JAZZ JAZZ e a fantasia? Máscara de carnaval! Vai ser no Parque em baixo dos pinheiros. É CARNAVAL.
Pensando nos foliões e nas *crianças* também teremos 50% do evento pensado neles. Aos pais, podem vir, tem diversão garantida. Pula Pula e Brinquedos infláveis na sombra das árvores é só o começo, teremos comidinha e uma área infantil.

São bandas de Jazz de Alto nivel, chamaremos ao menos 3 Bandas. Eles agitam o nosso palco há quase 3 anos, agora vão agitar o nosso CARNAJAZZ também.

Carnaval Social do Sol Nascente

03.03 – 17H ÀS 22H

TRECHO I, PRÓXIMO À UPA EM FRENTE A FEIRA DO PRODUTOR

O novo modelo de carnaval proposto pela Secretaria de Cultura também prevê a realização do Carnaval Social, que levará oficinas, cultura e serviços a comunidades do Distrito Federal.

Durante quatro dias de eventos, serão oferecidos aos jovens do Varjão, Estrutural e Sol Nascente cursos de capacitação em audiovisual, discotecagem, fotografia e elaboração de projetos culturais que serão desenvolvidos em parceria com a Central Única das Favelas (Cufa). O Carnaval Social será realizado em estruturas móveis equipadas com salas de aula, estúdio e palco para apresentação de artistas locais.

Desfile de Escola de Samba

03.03 – 15H ÀS 22H

RUA 31 SUL – PARALELA À AVENIDA BOULEVARD SUL – TRANSVERSAL A RUA DAS ARAUCÁRIAS

Aparelhinho

04.03 – 06H – 16H

SETOR COMERCIAL SUL, PRAÇA DOS ARTISTAS, PRAÇA CENTRAL, PRAÇA DO METRÔ

Através das vielas e praças do Setor Bancário Sul, os caras do Projeto Criolina comandam um carrinho de som alegórico e autônomo, equipado com som, iluminação e gerador, movido a tração humana, comandado por DJs e instrumentistas. O carrinho, ou Aparelhinho, é uma ressignificação dos trios elétricos baianos, das aparelhagens paraenses, das troças pernambucanas e dos carros alegóricos do carnaval tradicional. Um bloco original, único em Brasília, ao som de clássicos carnavalescos mesclados à música eletrônica e ritmos latinos, caribenhos, africanos e brasileiros de tom festivo.

Ano de Fundação: 2012

Encosta Que Cresce

04.03 – 15H ÀS 22H

ESTACIONAMENTO DO GINÁSIO NILSON NELSON

Inspirados pela diversidade cultural dos blocos de rua do Rio de Janeiro, amigos resolveram criar em Brasília um bloco que tivesse a sonoridade do frevo pernambucano, o axé baiano, as marchinhas e os sambas-enredos do carnaval carioca. Nasceu então o Encosta que Cresce, um chamado à irreverência, diferença e democracia. Os organizadores convidam foliões a caírem na alegria de brincar o carnaval de forma livre e espontânea.

Ano de Fundação: 2015

 

Galinho de Brasília

04.03 – 13H – 20H

SETOR BANCÁRIO SUL

Bloco Carnavalesco de Frevo criado em Brasília, no ano de 1992, por um grupo de pernambucanos frequentadores dos carnavais de Olinda e Recife, liderados por Romildo Carvalho. Em 2015 o Galinho arrastou mais de 100 mil foliões pelas ruas da cidade.

Ano de Fundação: 1992

Divinas Tetas

04.03 – 14H – 21H

SETOR BANCÁRIO NORTE

Os tropicalistas das Divinas Tetas foram uma das revelações do carnaval de 2016. Com temas da tropicália em releituras carnavalescas, arrastou um público estimado em 10 mil pessoas em plena segunda-feira de carnaval. A folia é comandada por uma banda ao vivo, em um palco ao ar livre, formada por 15 músicos, tocando bateria, trombone, sax alto e trompete, além, é claro, dos vocais.

Ano de Fundação: 2016

Carnaval do Asé Dudu

04.03 – 12H – 00H

201 NORTE

O Grupo Cultural Asé Dudu, faz parte da vida cultural e social de nossa cidade. Fundado em 06 de Setembro de 1987 o Grupo nasceu do desejo de se ter em Brasília um “Bloco” que atendesse os anseios da comunidade afro-descendente da Capital Federal.

Temos como objetivo difundir a cultura afro-brasileira e incentivar o intercâmbio e desenvolvimento das relações culturais entre os povos e transformarmos Taguatinga em um importante pólo de discussão a respeito da cultura negra não só ha nível do DF mais também a nível nacional.

Nossa área de ação é a luta contra o racismo e contra qualquer forma de abuso que atente contra os direitos humanos, não apenas de afro descendentes, mas de todos aqueles que são vítimas de tais práticas. Após ano tido como um bloco meramente carnavalesco o Àsé Dúdú passou a ser conhecido no âmbito cultural de nossa cidade através de vários Projetos que realizamos durante todo o ano com a comunidade brasiliense.

Ano de Fundação: 1987

Beija Me Beija

04.03 – 17H – 22H

SCLN 216 BLOCO D

 

Carnaval na Venda

04.03 – 15H – 22H

CLS 411 BL. B LOJAS 28 A 34

Veja Toda a programação ;

https://www.carnaval.df.gov.br/blocos/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

publicidade

Related articles

“Fim: O Último Espetáculo”

"Fim" é um monólogo intenso que nos leva ao turbilhão mental e emocional de um protagonista que está...

Sugar Daddies super exclusivos? Saiba mais

O aplicativo de namoro MySugarDaddy revela que no Brasil, existem mais de 140.000 Sugar Daddies Sugar Babies. A...

Blast Party: uma explosão de Pop Rock invade a Áudio Club, em São Paulo

Agora o festival acontece na capital de SP A Blast Party, um dos maiores festivais do País, agora chega...

Cromoterapia na arquitetura, como investir nessa tendência?

Cores pastel, suaves e calmas, estão em alta e são atemporais Se há um assunto que não decepciona e...